Antigone
Lançamento do livro "Psicologia : Campo de Atuação, Teoria e Pràtica "  
Accueil >>  II - Antígona - Brasil >>  Artigos



O Acolhimento Familiar e a proteção à infância



O Acolhimento Familiar na proteção à infância A experiência francesa

Marlene Iucksch

Introdução

Na França, cuja população é de 65 milhões de habitantes, cerca de 120.000 crianças e adolescentes encontram-se separados de suas famílias, por razões diversas consideradas como situações de perigo . Destes, cerca de 50.000 vivem em Famílias de Acolhimento. Múltiplos são os modelos de Acolhimento Familiar (todos profissionalizados) para responder às diversas necessidades da sociedade - no campo médico-social, sanitário, bem como na área do social no sentido amplo, onde se inclui a proteção à infância e à adolescência.

Longa é a história do Acolhimento Familiar na França cuja organização institucional iniciou-se em meados do século 17, com as iniciativas empreendedoras e únicas de São Vicente de Paulo. Sugiro a leitura do artigo na rúbrica Antígona Brasil - artigos.

Recentemente, em 2005, o estatuto da Família de Acolhimento passou por uma mudança importante, dando-lhe outra conotação. De Assistente Materna, a profissional passou a chamar-se Assistente Familiar, o que significa que um passo a mais é dado na prioridade ao trabalho sobre o do vínculo de crianças e adolescentes com suas famílias de origem. A consciência e a valorização do acompanhamento das famílias separadas dos filhos marca a política de proteção à infância desde o início dos anos 1980.

Ler o artigo em PDF

.: O acolhimento familiar na proteção à infância :.

Répondre à cet article

 

DANS LA MEME RUBRIQUE

 
 

Marlène Iucksch Psychologue clinicienne, psychanalyste Psicóloga clínica, psicanalista Formatrice Capacitação proteção à infância, adolescencia, trabalho com famílias - França e Brasil

 

Admin   Plan du site Liens Contact